Democratização Jurídica | Inclusão Legal | Content Law      #LawIsCool

Marco Legal das Startups é tema do LabTalks desta sexta

Participam do debate o procurador federal Bruno Monteiro Portela e o coordenador do Laboratório de Políticas Públicas do Sebrae, Pedro Pessoa Mendes
Programa será transmitido às 10h pelo Youtube
Programa será transmitido às 10h pelo Youtube

COMPARTILHE

O Laboratório Hacker da Câmara dos Deputados debate hoje, 29, a lei das startups e os casos bem-sucedidos de contratação de soluções inovadoras pelos municípios. Conhecida como Marco Legal das Startups, a Lei Complementar 182, que está em vigor há dois anos, foi criada para aprimorar o empreendedorismo inovador e alavancar a modernização do ambiente de negócios.

Participam do debate o procurador federal e membro da Advocacia-Geral da União (AGU), Bruno Monteiro Portela, e o coordenador do Laboratório de Políticas Públicas do Sebrae, Pedro Pessoa Mendes. O LabTalks será transmitido ao vivo a partir das 10h pelo canal do LABHacker no YouTube.

Um dos caminhos para a evolução digital do setor público pode ser a colaboração direta com o setor privado para desenvolvimento e teste de alternativas. Esse é o papel do Contrato Público de Solução Inovadora (CPSI). Criado pelo Marco Legal das Startups e do Empreendedorismo Inovador, o CPSI é uma modalidade de licitação que permite ao Poder Público testar soluções.

Bruno Monteiro Portela elaborou muitos dispositivos do Marco Legal das Startups, inclusive o CPSI. Ele vai explicar como o gestor público pode contratar soluções inovadoras de forma transparente, ágil e eficiente. Pedro Pessoa Mendes atua no desenvolvimento de políticas públicas e soluções direcionadas aos pequenos negócios, com ênfase na inovação no setor público e formação de redes. 

COMPARTILHE

Leia também

Receba nossa Newsletter

Negócios, Compliance, Carreira, Legislação. Inscreva-se e receba nosso boletim semanal.

TAGS

NOSSAS REDES

Nosso site utiliza Cookies e tecnologias semelhantes para aprimorar sua experiência de navegação e mostrar anúncios personalizados, conforme nossa Política de Privacidade.