Democratização Jurídica | Inclusão Legal | Content Law      #LawIsCool

Brasil alcança 46 contratos firmados via Marco Legal das Startups

Dados foram desenvolvidos pelo BrazilLAB e Oracle sobre empresas brasileiras focadas em tecnologia para o setor público
Estudo revela explosão de GovTechs no Brasil
Estudo revela explosão de GovTechs no Brasil - BrazilLAB

COMPARTILHE

Da Redação

No Brasil, o ecossistema de GovTechs está em ascensão. De acordo com estudo desenvolvido pelo BrazilLAB e Oracle, o setor experimentou um crescimento significativo nos últimos anos. Foram 46 casos identificados de aplicação do Marco Legal das Startups (MLS).

Essas aplicações abrangem órgãos do Poder Executivo, órgãos independentes e autônomos. Contam também com a participação de mais de 470 startups e PMEs, todas oferecendo soluções para desafios públicos.

Programa Impulsionar

De 23 contratos celebrados via Marco Legal das Startups que ocorreram a nível municipal, o Pessoa Valente Advogados apoiou a primeira aplicação na área de educação, no Município de Guaramiranga (Ceará), por meio do Programa Impulsionar – programa que tem como objetivo a redução e a prevenção das lacunas de aprendizagem na educação pública brasileira. 

Essa iniciativa visa reduzir as lacunas de aprendizagem na educação pública brasileira, conectando secretarias de educação, educadores, edtechs e organizações implementadoras para promover a equidade na aprendizagem através de soluções pedagógicas e digitais.

Segundo Patricia Pessôa Valente, sócia do Pessoa Valente Advogados e especialista em regulação, a banca foi pioneira em apoiar essa iniciativa em 2021, via consultoria, em um projeto que utiliza recursos educacionais digitais para fortalecer a matemática entre os estudantes do município cearense.

Mudanças na Legislação

As mudanças recentes na legislação brasileira têm impulsionado esse crescimento, especialmente o Marco Legal das Startups (MLS). 

“A adoção do MLS possibilitou a celebração de novos contratos entre empresas inovadoras e o poder público, fomentando o ambiente de negócios e impulsionando o ecossistema de inovação brasileiro”, declara Patricia.

Ainda há mais a ser explorado com o MLS. Para a advogada, o MLS facilita a contratação de inovação pela administração pública, exigindo uma compreensão do problema que a solução deve resolver.

A especialista em regulação também afirma que a Petrobrás já celebrou mais de 10 contratos utilizando o MLS. 

“Notamos que há um interesse cada vez maior de empresas públicas ou sociedade de economia mista, como o caso da Petrobrás em celebrar contratos via MLS. Os números comprovam a importância do MLS, pois traz segurança jurídica para a contratação das GovTechs em todo país”, diz.

COMPARTILHE

Leia também

Receba nossa Newsletter

Negócios, Compliance, Carreira, Legislação. Inscreva-se e receba nosso boletim semanal.

TAGS

NOSSAS REDES

Nosso site utiliza Cookies e tecnologias semelhantes para aprimorar sua experiência de navegação e mostrar anúncios personalizados, conforme nossa Política de Privacidade.